Curso de Agente de Viagens Online

Aparecida do Norte - Sp

 
 A cidade de Aparecida conta com construções em formas e estilos arquitetônicos diferenciados, dimensões e capacidades distintas, singelas ou sofisticadas, mas todas guardam verdadeiras relíquias artísticas e culturais que merecem ser conhecidas, estudadas, analisadas e guardadas na lembrança de cada visitante.
Aparecida nasceu de um milagre, quando em 1717 os pescadores Domingos Garcia, Felipe Pedroso e João Alves pescaram no rio Paraíba do Sul a imagem de uma Santa Negra. Era época de pouca pesca, para servir um banquete ao governador de Minas Gerais e São Paulo, Dom Pedro Miguel de Almeida, que passava pela Vila de Guaratinguetá, os três pescadores lançaram sua rede ao rio. Primeiro, pescaram um corpo de imagem, sem cabeça, depois , ao jogarem novamente a rede, tiraram do rio a cabeça da imagem, que se encaixava perfeitamente ao corpo.
A pesca milagrosa da imagem de Nossa Senhora Aparecida era um sinal de que esta cidade seria abençoada.
Aparecida, com seus 112Km², tem hoje cerca de 35 mil habitantes. Gente que vive do comércio movimentado pela fé daqueles que vêm agradecer ou pedir graças à Santa Padroeira do Brasil.
Conhecida mundialmente, a Estância Turística - Religiosa de Aparecida recebe anualmente milhões de pessoas, vindas de todos os campos do Brasil e exterior.
Entre as festas que movimentam a cidade estão a de São Benedito, que acontece uma semana após a Páscoa, e a de Nossa Senhora Aparecida, que acontece de 03 a12 de Outubro, com uma novena festiva na Basílica Nova, movimentado toda a região do Vale Paraíba.
No carnaval, a cidade oferece retiros espirituais, rebanhões e atividades profanas para aqueles que também buscam diversão sadia durante as folias de momo.
Em Aparecida existem vários prédios antigos, Seminários e Igrejas que merecem ser visitados.
Os pontos turísticos também são muitos, todos com infraestrutura para atender de maneira adequada o romeiro que vem a Aparecida.
Nosso santuário Nacional encontra-se um Centro de Apoio ao Romeiro, com vasto comércio para todos os gostos.
Aparecida tem 18 escolas, entre particulares, municipais e estaduais, 04 unidades de saúde, 11 igrejas e 01 autarquia municipal. A cidade de Nossa Senhora Aparecida emancipou-se de Guaratinguetá em 17 de Dezembro de 1928. 
A imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida é de terracota - argila, que depois de modelada é cozida em forno apropriado e mede cerca de 40 centímetrosde altura. A cor acanelada, com que hoje é conhecida, deve-se ao fato de ter sido exposta, durante anos, ao picumã das chamas das velas e dos candeeiros. Segundo alguns especialistas, seu estilo é seiscentista. Após ser estudada pelo Dr. 
Pedro de Oliveira Ribeiro, pelos Monges Beneditinos do Mosteiro de São Salvador (na Bahia), Dom Clemente de Silva Nigra e Dom Paulo Lanchenmayer, pôde-se afirmar que a Imagem é do século XVII.
Tarefa difícil foi determinar o autor da pequena imagem, pois a mesma não estava assinada. Após longo estudo, resolveu-se atribuir a autoria a Frei Agostinho de Jesus (Monge Beneditino).
Caracterizam seu estilo: forma sorridente dos lábios, queixo encastoado, tendo no centro uma covinha, penteado, flores em relevo, broche de três pérolas na testa e porte empinado para trás. 
Depois de ser pescada por três pescadores, em 1717, a Imagem ficou em poder da família do pescador Felipe Pedrosos, durante 15 anos.
Nessa época a imagem foi mantida na casa do pescador, onde as pessoas da vizinhança se reuniam para rezar. 
A devoção a Nossa Senhora da Conceição Aparecida foi crescendo no meio do povo e muitas graças foram alcançadas por aqueles que rezavam diante da imagem. Em 1978, após o atentado que reduziria os quase duzentos fragmentos, a imagem foi encaminhada ao professor Pietro Maria Bardi - na época diretor do Museu de Arte de São Paulo que a examinou, juntamente com o Dr. João Marinho, colecionador de imagens brasileiras. A imagem da Santa foi totalmente reconstituída pela artista plástica Maria Helena Chartuni, que na época era restauradora do Museu.
 
 
 
 
 
Fonte de consulta:www.aparecida.sp.gov.br
 
 
Pontos Turísticos
 
 
 
 
 
 
Aquário de Aparecida - O aquário de Aparecida possui diversos tanques com espécies de água doce e salgada. Um tanque que reproduz o milagre do achado da imagem e uma piscina com tubarões que podem ser tocadas pelos visitantes.
 
 
 
 
.......................................................................................................
 
 
 
 
 
Basílica Velha de Aparecida - Chamada de Basílica Velha, a Matriz Basílica de Nossa Senhora Aparecida é a guardiã da religiosidade e da fé do povo brasileiro. É o símbolo da Capital Mariana do País. Os degraus de pedra de sua entrada já foram gastos pelos pés e joelhos dos milhões de peregrinos que por eles passaram.
 
 
 
 
.......................................................................................................
 
 
 
 
 
Capela Das Velas - É em uma das naves do Santuário Nacional que fica a capela das Velas. A sala é um espetáculo de luz que emociona os visitantes. No local há sempre uma infinidade de velas acesas, de todos os tamanhos, cuja a fumaça faz desenhos na abóbada da capela. As velas revelam a fé e piedade do povo, que vem de todas as partes do País prestar devoção a Nossa Senhora. Cada vela representa um pedido, uma súplica à Santa ou um agradecimento por sua graça alcançada, mais um milagre da Santa Padroeira do Brasil.
 
 
 
 
 
 
 
 
Centro Histórico - O Centro Histórico de Aparecida é o pólo turístico-cultural e de lazer da cidade. Abrange a região que contorna a Basílica Velha e que é formado pelas ruas Monte Carmelo Oliveira Braga, José Borges Ribeiro, Santos Dumont, Oswaldo Elache
 
 
 
 
.......................................................................................................
 
 
 
 
Igreja de São Benedito - Foi inaugurada em 1924 e tem proporção modesta e encimada por uma única torre campanário. Tem como seu maior destaque as figuras de anjos, esculpidas por Chico Santeiro, que enfeitam a porta e os berais da igreja.
 
 
 
 
.......................................................................................................
 
 
 
 
 
Mirante - O mirante que leva o nome de Engenheiro José Salomão Kopaz era uma antiga caixa d´agua que abastecia a região central da cidade. Oferece ao turista uma boa visão da parte de baixo de Aparecida, seu interior há um elevador panorâmico que leva o romeiro a uma altura de 20m. O mirante está localizado na praça Nossa Senha Aparecida, atrás da Basílica Velha.
 
 
.......................................................................................................
 
 
 
 
Mirante das Pedras - 
Um belo e aprazível recanto, de pedras afloradas, no caminho do Porto Itaguaçu, o local possibilita a contemplação da várzea onde corre o Rio Paraíba e a Serra da Mantiqueira, moldurando a paisagem.
O local tem como atração principal a imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, medindo 1,80m de altura.
 
 
 
 
.......................................................................................................
 
 
 
 
 
Morro do cruzeiro - Morro de Peregrinações com estações da via Sagra Separada da cidade pela Via Dutra, é o ponto turístico religioso onde acontece, todas sexta-feira da Quaresma, a tradicional Via Sacra.O local foi totalmente reestruturado para atender os visitantes.
 
 
 
 
.......................................................................................................
 
 
 
 
 
Passarela da Fé - Em 1972, foi inaugurada em aprecida uma passarela que liga a Basílica Velha a Basílica Nova. Chamada de Passarela da Fé, a construção de concreto é uma homenagem a Nossa Senhora da Conceição por isso tem o formato de um "S" de santa.
 
 
 
 
.......................................................................................................
 
 
 
 
 
Portal da cidade - recepcionando os turistas e orientando-os com informações turísticas,revistas, calendários, mapas da cidade, postais, que são confeccionados em parceria com diversos empresários locais e entregues aos visitantes, visando o melhor atendimento turístico e recepção àqueles que visitam Aparecida.
 
 
 
 
.......................................................................................................
 
 
 
 
 
Relógio das Flores - 
O primeiro relógio de flores do Vale do Paraíba, com 9m de diâmetro, foi inaugurado em 2 de dezembro de 2003, na Praça Victor Coelho de Almeida.
Nele estão plantadas mais de quatro mil mudas de todo o Brasil.
Junto ao relógio estão dois belíssimos painéis que retratam um pouco da história da cidade.
 
 
.......................................................................................................
 
 
 
 
 
Teleférico - Oferece um agradável bem estar, proporcionando uma bela vista da Basílica Nova durante a descida. Também pode ser usado por queles que pretendem chegar mais rapidamente à Praça Nossa Senhora Aparecida, onde se encontra a Basílica Velha.
 
 
.......................................................................................................
 
 
 
 Com planta elaborada pelo arquiteto Benedito Calixto de Jesus Neto, aprovada pela Santa Sé, teve suas obras iniciadas no ano de 1946. Concluída por Dom Carlos de Vasconcelos Mota, 1° Arcebispo de Aparecida, teve um quinto mandato entregue ao povo em 1967, com Rosa de Ouro mandada pelo Papa Paulo Vl, para ornamentar o Santuário. Desde 1926, o povo e os missionários Redentoristas desejavam uma igreja maior, pois nos dias de festa não havia condições de trabalho e conforto na igreja. Entretanto, Dom Duarte Leopoldo e Silva, Arcebispo de São Paulo, que construía a catedral e o Seminário Maior do Ipiranga e precisava do salto do cofre do Santuário, não se interessou em construir uma nova igreja em Aparecida. Somente seu sucessor, e grande devoto de Nossa Senhora Aparecida, Dom José Gaspar de Afonseca e Silva, comprometeu-se em 1939, e prometeu construí-la. Sua morte prematura, em acidente de avião no ano de 1943, interrompeu planos e trabalhos. Novamente, a instâncias dos Redentoristas e dos peregrinos, Dom Carlos Carmelo de Vasconcelos Motta, novo Arcebispo de São Paulo (1944-1964), retomou o projeto de Dom José e deu, ainda que demorados (1945-1955), os passos necessários para a construção, lançando a primeira pedra a 10 de setembro de 1946.
 
Entre 1952 e 1954 foi canalizado o córrego da Ponte Alta e nivelado o Morro das Pitas. A 8 de setembro de 1954 foi lançada nova pedra fundamental, pois a primeira tinha sido violada e roubada. Em julho de 1955, o Sr. Cardeal Motta indica e recebe como bispo auxiliar o Pe. Antônio Ferreira de Macedo, Redentorista, que pôs os pés no chão e mãos à obra, dando início efetivo à construção no dia 11 de novembro daquele mesmo ano de 1955, com a concretagem das colunas da ala ou nave norte. Dom Macedo construiu a nave norte, torre e parte da cúpula, dando prosseguimento à construção da cúpula e naves sul, leste e oeste, com as respectivas capelas laterais, o também Redentorista Pe. Noé Sotilo. A imagem de Nossa Senhora Aparecida está em um nicho de mármore e ouro, dominando o Altar-Mor.
 
Estilo: De estilo Neo-romântico, o projeto é do Dr. Benedito Calixto de Jesus Neto, que dirigiu a construção até sua morte em 1972, assumindo depois o Dr. Luís Alves Coelho a superviSão técnica, generosamente, sem receber vencimentos. A igreja consta basicamente de quatro naves, juntando-se em cruz, em cuja interseção ergue-se a imponente cúpula.
 
Tempo de Construção: Todo o conjunto do prédio foi iniciado em 1955 e concluído na sua estrutura bruta em 1980.
 
Estacionamento - Santuário Nacional: O estacionamento do Santuário é reconhecido pelo Guiness Book como o maior estacionamento asfaltado do mundo, com uma Área de 272.000m², capacidade para 4.000 ônibus e 6.000 carros. 
 
Dimensões e Capacidade: A dimenSão e a capacidade do Santuário São realmente enormes e, na maioria dos domingos, pode abrigar a grande multidão de peregrinos. A altura da cumeeira da torre é de 100 metros; da cúpula, 70; das quatro naves, 40. Área construída 23.000 m². ExtenSão 173 m. Área coberta 18.000 m². Largura 168 m. 
 
Financiamento: A nova igreja foi construída com a contribuição dos devotos romeiros. No dizer, há um tempo jocoso e crítico, de Dom Macedo, a nova Basílica "foi construída com o palpite dos ricos, críticas dos padres e dinheiro do povo". Entretanto, o governo federal favoreceu, no início, com a gratuidade de algum transporte de cimento e ferro e com a doação da estrutura de aço da torre (governo do Dr. Juscelino Kubitschek de Oliveira). O governo federal contribuiu ainda, e asfaltou, a grande praça do Santuário, o governo do Estado de São Paulo canalizou, em 1953, o córrego da Ponte Alta. Consumiu-se na construção qualquer coisa ao redor de 40 mil metros cúbicos de concreto e 25 milhões de tijolos. 
 
Horário de Missa:
Segunda à Sexta - 7:00 / 9:00 / 10:30 / 12:00 / 16:00 
Sábado - 6:00 / 8:00h / 10:00 / 12:00 / 16:00 / 19:30 
Domingo - 5:30 / 8:00 / 10:00 / 12:00 / 14:00 / 16:00 / 18:00 
 

 

Booking.com