Galinhos Rn

 
Galinhos fica em uma península  a 166 quilômetros a norte de Natal. O jeito mais rápido de chegar é pela BR 406 até Jandaíra, passando por Ceárá e João Camara. 16 kms depois de JAndaíra tem um trevo com a indicação de Galinhos e ainda precisam percorrer mais 24 kms até chegar ao estacionametno da Prefeitura de Galinhos - PRATAGIL. Estacionamento gratuito e com vigilãncia 24 horas/dia. A travessia para a península faz-se de barco, no braço de mar e com a duração de 12 minutos.  A dificuldade do acesso de Galinhos deixa o local praticamente intocado, com salinas naturais formando pirâmides e as praias desertas. A praia do Farol, na extermidade da península, é um dos poucos pontos onde é possível encontrar traços de civilização.
 
 
 
Foi por causa da abundante quantidade de peixe que um grande número de pescadores abandonaram suas terras de origem e armaram suas tendas na localidade, começando a formar pequenas aldeias, pioneiras do povoamento. O desenvolvimento do lugar deu-se a partir de uma produtividade econômica baseada no pescado de peixes-galos e de voadores, na facilidade em produzir salinas naturais, onde o sal é farto, e também na cultura de algodão e sisal. Em 26 de março de 1963, Galinhos desmembrou-se de São Bento do Norte, através da Lei n° 2.838, tornando-se mais um município do nosso litoral.
Origem do Nome
 
O nome do povoado de Galinhos surgiu naturalmente na boca do povo, numa referência ao pequeno tamanho dos peixes-galos existentes na área.
 
 
 
É um espetáculo imperdível – o silêncio e a paz entre o braço do mar -  que o povo local chama de rio -  e o mar envolvem Galinhos num clima completamente místico e propício a quem procura um contacto com a natureza, prática de esportes de vento, como o kitesurf, windsurf, vela e outros entretenimentos quase que à moda antiga, como o passeio de jegue-taxi.
 
Sol e mar é o que o município oferece com charme. Alugar um barco e percorrer toda a enseada e ir ver o pôr do sol nas dunas ou no farol são passeios indispensáveis e seduzem qualquer visitante.
 
Dunas, salinas e manguezauis formam as paisagens que encantam os turistas, a vila de Galinhos é diferente, não possui trânsito de automóveis, sendo o transporte de mercadoria e pessoas feitas de jegue-taxi.